09 fevereiro, 2020

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (J. K. Rowling)


Eu juro solenemente não fazer nada de bom


Finalmente estou aqui falando desse livro icônico! Como eu amei ter feito essa leitura (assim como todos os outros livros) fico em êxtase só de pensar o quanto eu amei esse livro. Foi um dos meus favoritos da saga (ficando segundo lugar somente pelo sexto livro: Harry Potter e o Enigma do Príncipe).

Esse livro (Harry Potter e o Prizioneiro de Azkaban) teve trama mais complexa, mais elaborada e mais instigante. Os personagens estão  mais maduros (e olha que eles se desenvolvem muito mais) e somos apresentados a muitas coisas daquele mundo mágico.


Sinopse: Harry Potter retorna para a casa dos seus torturantes tios Dursley, já que é o período de férias em Hogwarts, e na casa, eles recebem a visita de tia Guida, a irmã de tio Walter, que durante um jantar, provoca Harry ao falar mal de seus pais. De tão irritado, Harry acaba enfeitiçando tia Guida o inflando feito balão e fugindo da casa dos seus tios em seguida. Vagando pela cidade sem rumo, ele e é resgatado por um ônibus de carona para bruxos e bruxas desamparados e descobre que o assassino e braço direito de Voldemort, Sirius Black fugiu da prisão de Azkaban, considerada até então como à prova de fugas, e tudo indica que ele está atrás de Harry, Para o Sírius conhecer o seu Afilhado Harry Potter que os Pais pediram para ele ser o Padrinho Dele e Para proteger Hogwarts, são enviados os Dementors, guardas de Azkaban e estranhos seres que sugam a energia vital de quem se aproxima deles, que tanto podem defender a escola como piorar ainda mais a situação.



“Os Srs. Aluado, Rabicho, Almofadinhas e Pontas, têm a honra de apresentar O MAPA DO MAROTO”

Alguns dos meus objetos/elementos mágicos favoritos da saga (sim, eu já li a saga toda haha) estão presentes. Amei muito a parte em que conhecemos um pouco mais da história/passado dos Marotos e quando somos apresentados o mapa do maroto.

Sem falar do vira tempo que foi um dos meus objetos mágicos favoritos de toda a saga! É incrível como a J. K. Rowling conseguiu adicionar viagem no tempo nesse universo mágico <3

Ah, eu não posso deixar de comentar sobre os novos personagens: Sirius Black se tornou um dos meus personagens favoritos da saga inteira! e Remo Lupim foi o melhor professor que Hogwarts já teve!

Não posso deixar de comentar de uma das minhas cenas favoritas da saga: a cena em que o Harry conjura um patrono Corpóreo para retardar/espantar centenas de dementadores. Me arrepio toda vez nessa cena, e, as vezes grito junto com o Harry “EXPECTO PATRONUM!!”

Um filme espetacular




Agora um pouco sobre o filme, livro é melhor, mas a adaptação não deixou a desejar. Amei muito o filme, a direção, os personagens, os efeitos especiais, trilha sonora, fotografia... tudo está perfeito! É o meu filme favorito da franquia e o que eu mais tenho vontade de reassistir sempre.

Uma das minhas ressalvas foi a Falta de explicação na história dos marotos na casa dos gritos e o processo deles se tornarem animagos para ajudar o Lupin.

Nossa esse post já está bem longo... não quero me estender muito, espero que tenham gostado e da minha opniao sobre o filme e o livro. Estou registrar minhas emoções e minha experiência de leitura que eu tive com essa saga. Agora eu preciso ir...

malfeito feito

5 comentários:

  1. Obra - de - arte!
    O Prisioneiro de Azkaban é meu favorito desde que comecei a ler a saga (e daí já quase 20 anos se passando em breve hahahaha) e até hoje eu sinto o mesmíssimo impacto inicial quando penso nele...

    ... mentira! Acho que o impacto agora, adulta, madura, entendendo muito mais do que entendia antes é maior do que na época. JK Rowling foi ousadíssima abordando viagem no tempo assim, em início de carreira, e fez isso com PERFEIÇÃO absoluta, né? É tão difícil escrever isso sem cair em contradição e/ou ter que ignorar alguns aspectos pra funcionar, mas ela conseguiu. O clímax todo, da hora que eles entram na Casa dos Gritos até o fim, aaaaah, não consigo parar de digitar, ESSE LIVRO É GENIAL!!!!!!!

    E Remo Lupin: melhor professor, SIM! Maravilhoso!

    Amei seu post, saudades de reler esse chuchu...

    ResponderExcluir
  2. O melhor livro da saga e o melhor filme também. Eu amo viagem no tempo, então quando li e percebi qual era a sacada do livro pensei "GENIAL!". E que saudade! Ler esse post e ver as fotos lindas me fez ter vontade reler... reler s;o Prisioneiro de Azkaban mesmo.
    Quanto ao filme, MAIS AESTHIC, IMPOSSÍVEL! Esse filme é uma obra de arte porque souberam adaptar de uma maneira a ficar coerente, e ainda fizeram um trabalho de fotografia e trilha sonora impecáveis.

    ResponderExcluir
  3. Ah, não acredito que você não só me alcançou como me passou. haha
    Tô nesse livro agora mas ainda não finalizei. Tenho me apaixonado cada vez mais por esse mundo de fantasia de Harry Potter e tá sendo maravilhoso acompanhar suas leituras aqui.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  4. Acredita que nunca li nenhum livro da J. K.? Só vi os filmes da saga e sempre me vejo revendo todos eles. Um amigo meu recentemente viu os filmes pela primeira vez (e olha que ele tem 19 anos!), depois ele se apaixonou e resolveu ler os livros; resultado: amou ainda mais kkkkkkkk Amei sua resenha ❤❤❤❤❤

    ResponderExcluir
  5. Eu não sei pq, mas não consigo gostar de HP (e olha que eu li toda a saga). Como eu disse que inha por aqui hoje, cá estou hahaha
    Confesso que já dei uma stalkeada daquelas (pois eu sou esse tipo de serumano) e amei tanto seu cantinho com url <3 As fotos são tão seu estilo, bem tiradas e bem editadas <333
    Enfim, gostei bastante ><

    http://isabelpastel.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Ativem o "notifique-me" para saber qual foi minha resposta ao seu comentário! ;)