04 abril, 2020

Harry Potter e o Cálice de Fogo (J. K. Rowling)


Contém Spoilers, bruxinhos!

Primeiramente gostaria de ressaltar que eu estava bem chateado quando comecei a ler Harry Potter e o Cálice de fogo por conta de ter dado tudo errado nos planos de Harry e Sirius de morarem juntos! Poxa, ficava imaginando os dois tendo uma vida mais feliz e Harry morando com alguém que realmente se importa e gosta de verdade dele. Foi realmente uma pena mas segui adiante na leitura (não podia parar é claro).

Confesso que quando vi a quantidade de páginas que esse livro continha (não sou desses que não lê tal livro pelos simples motivo de ser um calhamaço, viu?), fiquei meio que com receio, achei que seria uma leitura muito demorada e enrolada mas fui surpreendido. Foi  uma leitura muito rápida e dinâmica que em um piscar de olhos, já havia concluído a leitura . Várias coisas novas do mundo bruxo nos foram apresentadas neste livro. fiquei deslumbrado por tudo que aconteceu neste livro.

Simplesmente amo como os livros de Harry Potter começam! Esse em específico, começou de uma maneira que nós deixa até um pouco agitados. O primeiro capítulo “A casa dos Riddle” por si só já me deixou angustiado e me fez ter uma sensação que de a qualquer hora, alguma coisa ruim poderia acontecer.



Sinopse: Nesta aventura, o feiticeiro cresceu e está com 14 anos. O início do ano letivo de Harry Potter reserva muitas emoções, mágicas, e acontecimentos inesperados, além de um novo torneio em que os alunos de Hogwarts terão de demonstrar todas as habilidade mágicas e não-mágicas que vêm adquirindo ao longo de suas vidas. Harry é escolhido pelo Cálice de Fogo para competir como um dos campeões de Hogwarts, tendo ao lado seus fiéis amigos. Muitos desafios, feitiços, poções e confusões estão reservados para Harry. Além disso, ele terá que lidar ainda com os problemas comuns da adolescência - amor, amizade, aceitação e rejeição.

Fiquei em êxtase ao conhecer a copa mundial de quadribol no começo do livro. Amei como tudo lá funciona, sem falar  dos Wesley, que são pessoas incríveis! Amei conhecer alguns dos times de Quadribol. Sem falar do Cedrico, o pouco que vi dele, já percebi que ele era uma ótima pessoa e um amigo muito leal. Ainda não caiu a ficha da morte dele! Nossa, não achei que a morte de um aluno na escola de magia e bruxaria de Hogwarts aconteceria tão rápido! Na minha percepção, isso só iria acontecer nos últimos dois volumes da saga! Tive plena certeza que depois daquele final e de ter presenciado a morte de Cedrico Digorry, Harry Potter se tornaria muito mais frio, adulto e sombrio a partir daquele momento...



O torneio tribruxo em geral me deixou deslumbrado! Todo o suspense de como o nome do Harry foi parar no cálice de fogo, as tarefas e como Harry, com sucesso, passava por cada tarefa (eu amei cada uma delas!), as escolas de magia e bruxaria Durmstrang, da Bulgária e Beauxbatons, da França. Não sabia que existia outras escolas de bruxaria além de Hogwarts. Eu amei essa expansão no universo (mesmo ter desconfiado do Igor Karkaroff em vários momentos).

Certo, acho que já vou encerrar por aqui, estava com as expectativas bem baixas em relação a esse livro (por ser calhamaço, achei que seria muito enrolado e com uma leitura lenta) mas fui devidamente surpreendido. Amei cada página, cada capítulo e a  história em um todo. Sem falar no Baile de Inverno que eu amei! A Hermione é perfeita! Amei como foi explorado esse universo. Esse livro com certeza se tornou um dos meus favoritos da saga toda! Ainda não consigo explicar tudo que que senti lendo esses livros,  mas, eu tento de alguma maneira.

Adaptação cinematográfica:



Eu gostei muito do filme também, mas poxa, ficaram muitas coisas de fora. Como os elfos domésticos e a relação de padrinho-afilhado de Harry e Sirius crescendo. As atuações e situações estão muito icônicas! É um dos filmes que, apesar de tudo, eu mais gosto! Tem toda a magia do Baile de inverno, a participação das outras escolas para o torneio Tribruxo e dentre outras coisas que fizeram esse filme ser muito especial para mim.

Os personagens estão um pouco mais crescidos, fico feliz e ao mesmo tempo triste por isso. Ver o Rony surtando com o Harry foi hilário e tento ao mesmo tempo haha. Sou muito grato por esses filmes, pois quando estou com saudades desse universo, assisto um filme da saga  já me ajuda com isso. <3


Espero que tenham gostado do post e das fotos! Qual o livro favorito de Harry Potter de vocês?


Com amor, L ⭐

AO INFINITO E ALÉM

6 comentários:

  1. Own estou no segundo livro da saga e amando. E esse post só me deu mais vontade ainda de continuar a leitura. Amei.

    ResponderExcluir
  2. Amem vc ta lendo os livros hahahaahah te amooo

    ResponderExcluir
  3. Olha, acho que esse livro compete com Ordem da Fênix e Enigma do Príncipe como meu ~menos favorito ~ hehe. Não que eu não tenha gostado, eu AMEI! Mas os meus favoritos ainda são os três primeiro porque eu amo histórias com crianças e amo o trio pequenininho <3 No mais, a adaptação é boa... diferente da pseudo aberração que é a de Ordem da Fênix.
    Seus posts me lembram a época que eu mesma estava lendo. Saudades!

    ResponderExcluir
  4. Aaaaa Eu amo todos da saga. Mas os três primeiros são muito bons mesmo. Meu favorito é o enigma do príncipe.

    ResponderExcluir

Ativem o "notifique-me" para saber qual foi minha resposta ao seu comentário e para que possamos interagir melhor! ♡